3 de mai. de 2011

"O sistema é foda, parceiro"

A Tribuna do Norte atuando como uma verdadeiro "fiscal da lei", particularmente nas questões que envolvem algum interesse do América, buscou no CREA uma posição em relação a reforma do estádio Juvenal Lamartine. Para deleite da editoria de esporte do jornal, o presidente Adalberto Pessoa fez algumas advertências e afirmou que a praça não atende as conformidades atuais de segurança e que, portanto, o governo não deve optar para soluções baratas.
Segundo Pessoa, uma norma baixada pelo Ministério do Esporte faz algumas exigências, sobre a distância mínima entre a linha lateral e a linha de fundo de obstáculos, exige a instalação de grades de proteção seguras separando o público do campo de jogo, que a praça esportiva contenha uma área de circulação proporcional ao número de frequentadores e que sejam implantados uma bateria de sanitários, inclusive para uso de portadores de deficiência física, entre outras exigências.
O que mais intriga é que o CREA nunca se moveu para interditar o JL, afinal o estádio foi utilizado nos últimos anos para jogos das categorias de base e garotos correram sérios riscos de acidente.
Quanto a TN, o torcedor do América pode esperar que ainda vem mais por aí. Falta entrevistar ainda o Corpo de Bombeiros, Covisa, Polícia Militar, Ministério Público...
Uma coisa é certa: o que esse povo puder fazer para "embargar" a reforma do JL será feito. A opção Juvenal Lamartine virou um tormento para quem quer empurrar o estádio Maria Lamas goela abaixo. Pelo visto, o América vai "comer o pão que o diabo amassou" para atuar no brasileiro no estadinho do Tirol. Para se ter uma ideia, ouvi hoje gente dizendo que o estádio de Goianinha precisará de reformas para receber jogos do América na Série C. Pode?
Volto a repetir a frase do capitão Nascimento: "O sistema é foda, parceiro".
Com você, o Mecão é ainda mais forte. Seja Sócio!

21 comentários:

Anônimo disse...

Você está correto no que tange ao favorecimento da imprensa, atualmente, pelo abc, contudo lhe pergunto: Se ocorrer um acidente no caco velho do JL e pessoas se ferirem ou pior, você eximiria da culpa a FNF, CREA e Bombeiros???

Abraços.

Duda França

Paulo Roberto disse...

E bota foda nisso!

Silva disse...

A solução pra isso tem um nome "arena do dragão". Outra coisa: Poderíamos fazer o estatuto do trocedor e exigir a interdição do estádio de Pium, uma vez que não há como uma ambulância ter acesso ao gramado de jogo.

Andierison Macedo disse...

Existe uma corrente estadual contra-América que se apresenta cada vez mais forte.
Certamente que os órgãos citados nada possuem contra o Mecão, todavia alguns de seus membros usam o nome de suas instituições para se fartarem de alegria e sarcasmo para estar prejudicando o nosso time de futebol.
"O sistema é foda, parceiro" e muito mais. Vamos derrubá-lo. Vamos descobrir as pessoas certas para fazer as coisas certas e conseguir derrubar esses caras mal intencionados.
O seu texto foi perfeito, caro Sérgio, parabéns.
Tô de olho e continuo na torcida.

Anônimo disse...

Caro Sérgio, postei aqui mesmo nesse espaço de credibilidade que isso ocorreria. Não é que eu seja profeta ou coisa do gênero. Lembra quando escrevi que o terrorismo tomaria conta dos nossos meios de comunicação? Felizmente conheço esse lado destrutivo da nossa imprensa. Prá mim não é surpresa. E digo mais: isso é só o começo.
Para a nossa imprensa marrom, a solução é jogar no campo deles e por tabela ajudar o "có-irmão". Não é o sistema que é f..., é a imprensa mesmo.
ADAIL JÚNIOR

Sérgio Fraiman disse...

Duda França,

Não estou defendendo um estádio sem atender as regras mínimas de segurança, apontei apenas que nos casos que envolvem o América a lei é aplicada com mais rigor, a atenção da imprensa é redobrada. Tomara que os órgãos fiscalizadores atuem com o mesmo afinco em todos os estádios do RN.

Marcelo Macedo disse...

Sérgio Fraiman, as vezes discordamos nas opiniões... No orkut, certa vez, critiquei um post seu! MAS, RECONHEÇO O PAPEL FUNDAMENTAL DESTE BLOG na defesa dos interesses do MECÃO! Enfrentar algo tão poderoso e ardiloso requer um mínimo de coragem!!! Parabéns pela CORAGEM, coragem esta que muita vezes falta a quem se encontra a frente da direção do América! Precisamos de mais gente destemida no AFC!!!

Anônimo disse...

As pessoas têm que entender uma coisa, o América joga na CASA DE CARALHO, mas não joga naquele chiqueiro e se algum palhaço dessa diretoria incompetente inventar essa presepada eu não vou naquele lugar.

Anônimo disse...

Vamos fiscalizar o CREA, vamos ver se todas as obras em Natal tem o mesmo rigor. Todos os dias são aprovadas reformas e construções fora dos padrões e O CREA faz vista grossa. O antigo prédio da SEMURB, por exemplo, funcionou durante anos sem obedecer nenhuma das exigências do CREA e da própria SEMURB.

Anônimo disse...

Esse tal de Adalberto Pessoa, tá mostrando o lado "mundiça" dele. Vamos ficar de olho. Agora eu pergunto, onde anda os políticos americanos?, não fazem nada pra defender o Mecão?.
José Irineu

Anônimo disse...

Quem promoveu esta entrevista? Qual foi o repórter? É bom dar nome aos bois. Vi que os blogueiros da rádio globo, pelo menos, não gostaram muito da posição do cara do CREA.

Anônimo disse...

O hospital Pappi não tem estacionamento suficiente para o seu fluxo de pacientes, o hospital São Lucas não tem vagas suficientes para o fluxo de pacientes. E aí, vamos fechar os hospitais? A Câmera dos Vereadores não tem estacionamento suficiente para seu fluxo, o CREA NÃO TEM ESTACIONAMENTO PARA O FLUXO DE PESSOAS QUE LÁ CIRCULAM, A Prefeitura de Natal não tem estacionamento, o SENAC CENTRO não tem estacionamento, o Ministério Público não dispõe de estacionamento suficiente para seu público. A UNP não dispõe de estacionamento para seus alunos, as igreja Santa Teresinha e de Candelária não dispõe estacionamento para seus fiéis, O PALÁCIO DOS ESPORTES NÃO TEM ESTACIONAMENTO. Na rua onde funciona os tribunais de justiça e a PF tem estacionamento para todos que circulam por lá?? Ou as pessoas estacionam os carros na ruas?? Então caro Pedro, porque não se pode estacionar carros no entorno do JL?? Durante o dia, todos os dias, as ruas daquela região estão lotadas de carros.

A TRIBUNA DO NORTE TEM ESTACIONAMENTO SUFICIENTE PARA O FLUXO DE PESSOAS QUE POR LÁ CIRCULAM????

ENTÃO, VAMOS FECHAR TODOS ESSES LUGARES????

Unknown disse...

Qualquer bom observador e que tenha o mínimo de inteligência sabe que a imprensa natalense é a favor do "Real Madrid" potiguar, especialmente este jornal TN, e que sonham em aniquilar o América, assim com já fizeram com o Alecrim.

Este é o momento do time, na série C e sem um estádio para jogar. Só resta o apoio dos torcedores e dos dirigentes que devem batalhar o possível e o impossível para viabilizar o JL para os nossos jogos e deixar o América perto de sua torcida.

Com calma, humildade, colaboração e muito empenho poderemos tirar o clube desta situação, mesmo que para isto tenhamos que passar por diversas situações de correntes contrárias.

Anônimo disse...

O pior de tudo, é que nosso pessoal não aprende e fica alimentando essa imprensa marrom com entrevistas exclusivas e desabafos inapropriados.

Anônimo disse...

#ILEGAL EU NÃO AGUENTO, O CREA NÃO OFERECE ESTACIONAMENTO!!# Nova campanha para divulgação nas redes sociais.

Anônimo disse...

Sérgio , isso já era de se esperar , seu texto já iz tudo. Só lembro que a reforma do JL proposta pelo presidente da FNF ,pelo que sei , não ficaria a dever a nenhum outro estádio do RN , pois seriam feitas a melhorias conf.o estatuto do torcedor e outros órgãos.Seria deslocado o gramado para o lado direito da arquibancada de madeira (que seria derrubada ) e deste lado só teríamos os vestiários e acima dos mesmos seriam as cabines de rádio e alguns camarotes . Ficando arquibancadas apenas atrás dos gols(2 tobogãs) e a de frente as cabines ficando assim o estádio com a capacidade para uns 8.000 a 10.000 pessoas.Lembro ainda que JL foi indicado como um dos campos para treinamentos das seleções para copa 2014(juntamente com o SESI,M.Lamas e acho q.a CEFET).Se for possível , peça ao presidente da FNF uma foto da maquete do JL(reformado)para q.assim possamos "brigar" com o sistema p/a reforma sair.
Marcos L.Ramalho

Fernando disse...

Vamos para João Pessoa, só não para o lamão.

Anônimo disse...

E aquele cidadão do Ministério Público Estadual, nunca reclamou da falta de espaço para ambulâncias no Frasqueirão. Que tal pressionar-mos ele mesmo e o CREA quanto à estes problemas no Lamão?????????????? Ass: Adriano

Anônimo disse...

Por essas e outras que cancelei a assinatura desse periódicozinho. Paulo

Anônimo disse...

Camilo disse: Sérgio mais uma vez volto a emitir minha opinião a respeito da emissora da ribeira. E, percebo o quanto o América é perseguido, no entanto, nada tem sido feito, e, a maior prova de que ninguém da diretoria está nem aí é que vivem dando entrevista a esses profissionais mesmo contrariando boa parte da torcida. Agora me permita dizer uma coisa Sérgio: você mesmo combate muito a falta de profissionalismo da imprensa, mas eu mesmo já encaminhei vários comentários baixando o cassete nesses caras, mas não foi publicado. Aliás não tenho certeza se esse também será. O sistema é foda, mas pode ser mudado, desde que as pessoas desejem fazer mudanças.

Anônimo disse...

Com todo respeito, discordo completamente do que você postou em seu blog. Questionar o CREA, os Bombeiros, a Covisa ou qualquer outro órgão sobre a viabilidade e/ou legalidade das obras no JL é um ato contra o América? Vamos parar com isso. Por mais que a informação não seja satisfatória para alguns, ela tem que ser dada. O problema do América não é a imprensa, e sim o próprio clube. A função da imprensa e de blogs como este, que acesso sempre, é INFORMAR. Ano passado já houve a necessidade de adequações no Maria Lamas e também foi divulgado. Por favor, acabemos com essa "teoria da conspiração" e não sejamos levianos. Tenho certeza que, para a imprensa esportiva do RN, o ideal são todos os times fortes. Resta o América voltar a ser forte como já foi.

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.