1 de jan. de 2016

Veja aonde andam os jogadores que rebaixaram o América em 2014

Do grupo que rebaixou o América para a Série C em 2014, apenas o zagueiro Zé Antônio continua no clube. Alguns jogadores estão atuando no exterior, como são os casos do meia Arthur Maia (Kawasaki Frontale/Japão), do ala Wanderson (Daejeon Citizen/Coréia) e do atacante Rodrigo Pimpão (Emirates Club/Emirados Árabes). Outros disputarão agora em 2016 a Série A do campeonato brasileiro: Wálber (América/MG), Daniel Costa (Santa Cruz) e Fabinho (Internacional).
Em relação aos treinadores, Oliveira Canindé acertou com o CSA, Marcelo Martelotte continua no Santa Cruz e Roberto Fernandes ainda não anunciou o seu clube para 2016.
Veja aonde andam os jogadores que mais atuaram na Série B de 2014: 
Fernando Henrique (Remo)
Andrey (Inter de Lajes/SC)
Wálber (América/MG)
Marcelinho (CRB)
Cléber (Água Santa/SP)
Lázaro (sem clube)
Zé Antônio (América)
Roberto Dias (Nacional/AM)
Wanderson (Daejeon Citizen/Coréia)
Márcio Passos (Abc)
Jean Cléber (CSA)
Judson (sem clube)
Arthur Maia (Kawasaki Frontale/Japão)
Daniel Costa (Santa Cruz)
Rodrigo Pimpão (Emirates Club/Emirados Árabes)
Max (Guarani)
Isac (Inter de Lajes/SC)
Emerson (sem clube)
Fabinho (Internacional)
Alfredo (Luverdense/MT)


Com você, o Mecão é ainda mais forte. Seja Sócio!

1 comentários:

sócio dragão 218 disse...

2014 foi o ano onde mais coube essa expressão: Realmente os jogadores rebaixaram o América, até hoje não consigo engolir a maneira como esse grupo prejudicou o clube.

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.