8 de mai de 2017

Rigor da CBF com gramados não inclui a Série D

A CBF vai acompanhar de perto o estado dos gramados das Séries A, B e C do Brasileirão. Segundo o diretor de competições da entidade, Manoel Flores, haverá mais rigor no controle da qualidade dos campos de futebol, principalmente depois de shows. Em entrevista ao “Seleção SporTv”, o dirigente afirmou que, se uma arena receber um evento, a CBF terá que ser avisada e só vai liberar o gramado após uma vistoria.
– A gente incluiu no regulamento deste ano o que a gente observou ao longo desse ano. Ao longo do ano, a gente coleta informações, experiências que a gente vivencia, e inclui no regulamento, se achar pertinente. Nesta linha, vem a questão dos eventos estranhos ao futebol, o show que costuma acontecer nas arenas. Em havendo o show, a CBF precisa tomar ciência e, aí sim, a CBF vai liberar após uma vistoria. A gente encontra experiências, e não são poucas, de estádios que voltam para o futebol, após um show, com gramados em condições ruins para a prática do futebol. Isso é uma novidade, algo regulamentado para este ano, que será exigido. A CBF irá atuar bem forte em cima disso – disse Manoel Flores.
O diretor da CBF afirmou ainda que, além de procurar manter a padronização das medidas dos estádios, há novas exigências para este ano, por exemplo na iluminação. Manoel Flores disse que os clubes da Série C foram incluídos na nova regra e, no futuro, também os estádios da Série D também deverão estar de acordo com estas normas.
– A gente padronizou as medidas, as dimensões dos campos das Séries A e B. Neste ano, estamos checando se foram mantidas essas dimensões. Estendemos isso à Série C, incluímos no projeto questões de iluminação. Fornecemos às Séries A, B e C projetos de iluminação, para que atinjam uma quantidade de lux ideal para a televisão, para transmitir as partidas. São medidas que a gente tem feito para agregar valor à competição, em suas quatro séries, porque no futuro vamos incluir a Série D também.
Vamos continuar apostando na Timemania

0 comentários:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.