28 de mai de 2018

Avaliações individuais

Daniel - goleiro de confiança do técnico Ney da Matta. Não falhou na partida. Fez uma defesaça no segundo tempo num chute rasteiro do atacante Wanderley. Como não tem muita altura, as bolas alçadas na área acabam sendo um problema;
Hudson - assumiu de vez a titularidade. Depois da lesão, melhora a cada partida. É um jogador de força e de velocidade. Deveria explorar mais as jogadas de linha de fundo;
Negretti - acho que deu espaço para o bom atacante Júnior Chicão no lance do gol do Imperatriz. No mais, mostrou a regularidade de sempre;
Jadson - chamado de última hora, entrou como titular diante do quadro de virose do zagueiro Gullithi. Foi sóbrio, passou confiança e não comprometeu. É uma boa opção para a zaga;
Danilo - fez o cruzamento para o gol de cabeça de Pardal. Mesmo desgastado por uma gripe, talvez tenha feito a partida com maior desenvoltura nesta Série D. Diferentemente de Hudson, chega mais fácil e mais vezes até a linha de fundo;
Jonathas - o carrapato de sempre. Arriscou uma cobrança de falta que passou perto do travessão. É uma peça importante no esquema do treinador Ney da Matta. Acabou recebendo um cartão amarelo e vai entrar "pendurado" para os dois jogos diante do Imperatriz;
Rodney - entrou fora de posição nos jogos anteriores e mesmo assim foi bem na lateral. Assumiu a sua posição de origem e mantém o nível de atuação;
Cascata - não brilha como em competições anteriores, mas é referência do time. Atrai a marcação dos adversários e com isso facilita a vida dos companheiros de ataque. Mesmo assim, precisa render mais no mata-mata;
Lucas Silva - compõe bem o meio, ajuda na marcação e tem velocidade no contra-ataque. Desde a sua estreia, o time conquistou três vitórias.
Flávio Carioca - homem da referência. Tem sido pouco acionado. A bola não tem chegado pronta para a finalização. Por outro lado, tem ajudado muito nas bolas alçadas para o interior da área, fazendo o papel que Max costumava fazer no sistema defensivo;
Pardal - decisivo, mortal e impiedoso. Marcou mais dois gols e é o artilheiro isolado da equipe em 2018;
Luiz Fernando - entrou no lugar de Cascata. Procurou girar a bola. Tem facilidade no lançamento. Vai ajudar no mata-mata;
Lopeu - entrou na reta final na vaga de Flávio Carioca. Mostrou a mesma disposição de sempre. Ainda arriscou um chute forte de perna esquerda que passou próximo da trave adversária;
Leozinho - entrou quando faltavam apenas dez minutos para o fim do jogo. Não deu para mostrar muita coisa.
Vamos continuar apostando na Timemania

0 comentários:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.