20 de set de 2014

Faltou competência

Ontem, o América teve tudo para sair de campo com os três pontos. Não fez uma apresentação de gala (longe, muito longe disso), mas também não repetiu o futebol apático e sonolento dos jogos anteriores. O que faltou na verdade foi competência. Competência, principalmente, para colocar a bola para o fundo do gol. A fase de Max e Pimpão é horrível. Perdemos chances incríveis e acabamos castigados nos minutos finais com um empate com o sabor desagradável da derrota. Sofrer um baque dentro de casa para uma das piores equipes da competição, numa altura dessa do campeonato, quando o time precisava desesperadamente da vitória, é preocupante. A sequência de maus resultados teima em não passar e liga no último volume o sinal de alerta de todos os americanos. Com tantos resultados contrários dentro da Arena das Dunas, o time agora precisa buscar milagres longe da torcida. Arrancar vitórias quando menos se espera e sair desse terreno movediço. Além disso, precisamos torcer desesperadamente contra os quatro últimos colocados (Icasa, Portuguesa, Vila Nova e América/MG).  Essa é a real situação. Não temos outro caminho.
Vamos continuar apostando na Timemania

12 comentários:

Anônimo disse...

Acho que a diretoria errou em tirar o técnico,o problema esta nos jogadores que não querem jogar esta aí a prova empatar nos acrecímos com um time fraco como a lusa, acorda diretoria que campanha incentivadora para a torcida ir a campo em?

wildsonrn disse...

Oito jogos sem vitórias. 3 três delas sob o comando do Martelotte,ou seja, quase 50%.
Por muito menos a pressão sobre OC era grande.
Enquanto isso, nossos diretores dizem que o grupo está tranquilo, não há desespero etc etc etc.
Esse grupo, ao meu ver, não tem mais condições de se recuperar e nos afastar da degola. Resta-nos torcer contra os que estão abaixo de nós.

Anônimo disse...

Apesar do resultado de empate, gostei muito do América ontem. Ao meu ver, um dos pontos negativos foi a escalação de Wânderson no meio de campo; pouco rendeu; rende melhor na lateral esquerda. Tiago Dutra, para mim, ganhou a posição; jogou muito! Márcio Passos foi um gigante na defesa; por enquanto deveria permanecer nesse setor. Quanto a Pimpão, apesar de ter perdido um chamado gol feito, não deveremos sacrificá-lo; é voluntarioso, sua a camisa e nunca se entrega; precisamos muito dele; é imprescindível para a recuperação do América. Quanto ao grande Andrey, precisa treinar mais para evitar falhas como as de ontem e voltar às atuações que o consagrou. Pela "entrega" da equipe, acho que o América tem tudo para melhorar e dar a volta por cima. Uma pena que tomamos o empate no finalzinho do jogo; não merecíamos. Mas, vamos que vamos!

Anônimo disse...

É triste! Mas essa é a tendência: Estamos a caminho da Série C... Se escaparmos será na agonia! No ano do Centenário poderemos amargar um presente nada indigesto!

Hélio disse...

Olá, Sérgio.
Veja a que ponto chegamos: torcer para a desgraça dos outros.Que competência tem esse time do Mecão? Jogadores que não merecem vestir essa camisa tão gloriosa e respeitada por tantos que vestiram. Fica uma interrogação a essa política da atual gestão.

Anônimo disse...

Ta na cara que Pimpão e Max n pode jogar juntos, os dois n se dao bem desde a briga, se continuar com os dois é serie C.

Isaias Albuquerque Santos disse...

Só um cego não vê que Max não tem mais o que oferecer. Bate canela, não conclui e faz faltas desnecessárias. Não é possível botar Alfredo ou Isaac para dar mais qualidade e rapidez ao time? Se o mineiro recuperar seus pontos aí de nós!

Anônimo disse...

Ter colocado Max para jogar ao lado de Pimpão, depois da confusão não foi uma boa medida. Não foi a toa que Pimpão vinha bem e caiu de rendimento.

Andierison Macedo disse...

Deve estar cedo ainda, mas eu não consigo sentir CONFIANÇA na figura apagada do técnico MARCELO MARTELOTTE. Desculpem se estou me precipitando (espero que sim), mas não encontro no banco de reservas um comandante à altura do time do América. Seus jogadores precisam acreditar que virá do banco uma ordem firme, uma palavra direta, uma orientação capaz de provocar mudanças e/ou solucionar falhas.
Não acredito que isso esteja acontecendo.
Peço desculpas novamente, porém não acredito no novo treinador...
SOU MECÃO ATÉ O FIM... IRADO, MAS SOU MECÃO...

Anônimo disse...

Até agora a nova comissão técnica não disse para que foi contratada e o tempo para manobras esta ficando curto. Se não tem condições peça pinico!. Pô...o time continua cometendo os mesmos erros, o técnico esta perdido na escalação quando manda para o jogo o wanderson de meia, quando deixa Alfredo no banco enquanto Max não faz nada. Acertou na escalação de Tiago Dutra (milhões de vezes melhor que val) e gostei
da apresentação do garoto filho de Abel Braga, joga muito, raçudo tem moral e lugar no time titular.
Obs, fizeram um grande besteira em mandar OC embora!

Anônimo disse...

time apático e covarde jogando igual a burra preta na retranca levando sufoco de um time mediocre.

Anônimo disse...

OC era o famoso motivador, e reclamavam. Martelotte é mais tranquilo, mas me parece mais um "teórico do futebol". Vamos dar crédito ao cara. A gente só alfineta, xinga e não apóia. Tô com o Mecão e não abro. Grande abraço aos torcedores do MAIOR DO RN!

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.