19 de fev de 2017

Nada para comemorar, mas os três pontos foram importantes

Para chegar à decisão do primeiro turno, o América precisava vencer o ASSU e torcer por um empate entre Globo e Baraúnas. Metade do planejado deu certo. A outra metade que não dependia do próprio América, infelizmente, não aconteceu. A equipe de Ceará Mirim terminou a fase classificatória com 14 pontos. Um ponto a mais que o time rubro. O Abc ficou com a primeira posição com 17.
Em termos de primeiro turno a vitória de hoje de pouco adiantou, mas ela tem vários aspectos que precisam ser ressaltados. O primeiro é a confiança que qualquer vitória traz junto, principalmente para um time que vive 24 horas sob pressão. Vencer é como se fosse oxigênio para quem precisa respirar. O segundo é que o time fica mais fortalecido tanto para o segundo turno como para a sequência da Copa do Nordeste, já que no próximo sábado teremos um jogo decisivo contra o Vitória na Arena das Dunas. O terceiro ponto é a tranquilidade que o técnico Felipe Surian ganha para continuar o seu trabalho dentro do América. O quarto e último é que somar pontos ajuda na classificação geral do campeonato. Hoje não temos nada para comemorar, mas foi importante sair de campo com os três pontos. 

Vamos continuar apostando na Timemania

0 comentários:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.