2 de mar. de 2019

Que resolva dentro de campo

"Eu o quero para jogar no meu time, não para casar com a minha filha". A frase do ex-comentarista esportivo João Saldanha é daquelas que se encaixam perfeitamente na figura do meia Roger Gaúcho. Para constatar isso, basta uma rápida pesquisa na internet para verificar o histórico de indisciplina do jogador.
Isso aconteceu, por exemplo, em maio de 2016 no Campinense, quando o time era treinado por Francisco Diá. "O problema de Roger foi de indisciplina. O atleta não compareceu ao treinamento do sábado, não compareceu à concentração. Então foi afastado automaticamente pela nossa diretoria", explicou na oportunidade.
Quando chegou ao Botafogo/PB em 2017, perguntado sobre o histórico extra-campo pouco favorável, Roger pediu um voto de confiança ao torcedor botafoguense para voltar a ser aquele jogador que encantou o Nordeste na campanha do vice-campeonato do Campinense em 2016 na competição regional.
"Sei que muita gente desconfia, então peço um voto de confiança para voltar a ser aquele Roger Gaúcho de 2016, vice-campeão do Nordeste, campeão estadual, vou dar o melhor para retornar a minha melhor forma".
Nestes tempos de dificuldades, o torcedor do América espera que Roger Gaúcho resolva dentro de campo. Ajude na conquista do Estadual e, principalmente, na volta para a Série C. Ninguém tem mais paciência. A tolerância é zero. 
Vamos continuar apostando na Timemania

0 comentários:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.